Link para página

Obras de requalificação Escola EB 2,3 de Ródão

Tiveram início em julho de 2021 as obras de requalificação da Escola EB 2,3 de Vila Velha de Ródão, um projeto que visa o aumento da disponibilidade de área construída para atividades letivas e a melhoria de condições de segurança e conforto daquele equipamento.

Esta intervenção promovida pelo Município de Vila Velha de Ródão pretende requalificar alguns equipamentos e instalações, adaptar espaços para novas atividades e introduzir melhoramentos nos níveis de conforto e condições de acessibilidade exigidas, reparando deficiências provocadas pelo desgaste dos materiais ou pela sua desadequação a novas exigências.

Prevê-se assim a ampliação do Bloco do 1.º ciclo com a criação de uma sala de expressão plástica; a renovação e modernização do Bloco A, de forma a dotá-lo de melhores condições de habitabilidade e conforto funcional; a reorganização de espaços e a sua respetiva requalificação no Pavilhão Polivalente (Bloco C); a construção de um Edifício de Apoio destinado a zona arrumos, articulada com o Pavilhão Gimnodesportivo; e a substituição dos vãos exteriores no Bloco A, Bloco B, Bloco C e Pavilhão Gimnodesportivo, de forma a melhorar as condições de habitabilidade, salubridade e conforto térmico.

O atual Bloco O será demolido e no seu lugar será implantado um jardim, que dará continuidade à zona verde existente. Os espaços exteriores entre o Bloco C e o Bloco A serão igualmente requalificados, estando prevista a melhoria das condições de circulação e de conforto com a criação de zonas de telheiros entre os mesmos.

Esta empreitada representa um investimento por parte do Município de Vila Velha de Ródão de 768.427,30 € acrescidos de IVA, tendo as obras sido adjudicadas à Construtora Jerónimo Reis & Afonso com um prazo de execução previsto de 270 dias.

Obras escola 1
Obras escola 2
Obras escola 3
Obras escola 4

 

 

Ligação Pedonal da Avenida da Bela Vista ao Largo do Cemitério

Teve início em janeiro de 2021 a construção da Ligação Pedonal da Avenida da Bela Vista ao Largo do Cemitério, em Vila Velha de Ródão, uma obra que vem encurtar as distâncias entre duas zonas da vila implantadas em diferentes cotas e facilitará as deslocações entre o cemitério e a zona escolar, à cota superior, e a Câmara Municipal, o espaço comercial e o Centro de Saúde, na cota inferior.

Este acesso pedonal será constituído por uma escadaria larga e dividida em vários lanços, que se pretende que seja de fácil e confortável utilização pela população e estabelece uma ligação entre o depósito de água, situado na cota inferior, e o passeio e miradouro na cota superior.

Em alguns patamares existirão bancos laterais em granito, como continuidade de um degrau, de forma a proporcionar zonas de descanso, sinalizadas por revestimentos de granito. As zonas laterais ao percurso, nas quais a escadaria se encaixa, serão tratadas a nível paisagístico em projeto de especialidade, de modo a que este novo acesso se assemelhe a um risco branco no meio de um jardim.

A empreitada desta obra foi adjudicada em outubro pela Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão à empresa DUAFAR, pelo valor de 395.000 € (+ IVA) e tem um prazo de execução de oito meses.

Ligação Pedonal  1
Ligação Pedonal  2
Ligação Pedonal  3
Ligação Pedonal  4

 

Concluída a beneficiação do caminho de acesso à albufeira de Cedilho

Foram concluídas no início de agosto as obras de beneficiação do caminho de acesso à Albufeira de Cedilho, uma intervenção que visou a recuperação e estabilização das acessibilidades à barragem, na sequência dos danos causados pela tempestade Elsa e dos apoios concedidos pela Agência Portuguesa do Ambiente.

A intervenção promovida pelo Município de Vila Velha de Ródão consistiu na realização de terraplenagens para acertos da plataforma e de estabilização de zonas de aterro que continham solos argilosos, na construção de passagens hidráulicas e beneficiação das existentes, na execução de valetas de drenagem de plataforma em betão e na aplicação de pavimento betuminoso, sinalização horizontal e guardas de proteção.

Com este investimento, a autarquia dotou a o concelho de mais um acesso ao rio Tejo, permitindo uma deslocação fácil e acessível a embarcações de pesca e recreio.

A empreitada teve um contrato de 149.063,30 €, adjudicado à empresa João de Sousa Baltazar, S.A., e um prazo de execução de 90 dias.

Barragem Cedilho 1
Barragem Cedilho 2
Barragem Cedilho 3
Barragem Cedilho 4
Barragem Cedilho 5
Barragem Cedilho 6
Barragem Cedilho 7
Barragem Cedilho 8



Câmara Municipal promoveu a reabilitação de imóvel para habitação

A Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão promoveu a reabilitação de um edifício de habitação degradado e datado de 1922, situado no centro histórico de Vila Velha de Rodão, de forma dotá-lo de condições de habitabilidade e disponibilizá-lo para arrendamento de baixo custo.

O objetivo da autarquia é promover a recuperação de imóveis degradados no concelho e colmatar a falta de habitações disponíveis no mercado de arrendamento local, garantindo assim o direito à habitação e a melhoria da qualidade de vida da população.

A intervenção no edifício, localizado na rua Dr. José Pinto Oliveira Rocha, 18, e conhecido como a “Casa da D. Felismina”, procurou efetuar a correção de deficiências construtivas e funcionais, promover condições de habitabilidade e conforto e recuperar e conservar de elementos de reconhecido valor patrimonial, histórico e arquitetónico. A nível funcional, trata-se de uma habitação tipo T2+1, com capacidade para acolher um casal com um ou dois dependentes.

As obras foram adjudicadas à empresa Ediródão, Construção, Lda, por um valor de 124.998,58 € (acrescidos de IVA) e tiveram um prazo de execução de seis meses.

casa d felismina 1
casa d felismina 2
casa d felismina 3
casa d felismina 4

 

Obras de requalificação e ampliação do CIART arrancam em julho

Anexo NI Arranque Obras CIART VVR 1Têm início neste mês de julho as obras de requalificação e ampliação do Centro de Interpretação de Arte Rupestre do Vale do Tejo (CIART), uma intervenção abrangente que, entre outros aspetos, prevê a construção de uma nova entrada e a criação de quatro galerias expositivas, de um centro de documentação e de uma sala de multimédia e audiovisuais.

O projeto foi candidatado ao Centro 2020 e representa um investimento total de 750.733, 60 €, dos quais 524.601,79 € serão elegíveis e comparticipado em 85% através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (445.911,52€). As obras têm um prazo de execução de 365 dias.

No que respeita ao edifício que existe atualmente, o projeto prevê a reformulação do seu interior e a introdução de um programa específico, com vista à exposição de conteúdos museológicos pretendidos: Arte Rupestre, Paleolítico, Geologia e Geomorfologia. O edifício será ainda alvo de uma ampliação, para a zona devoluta a poente, por onde se passará a fazer o acesso ao Centro de Interpretação de Arte Rupestre do Vale do Tejo.

O objetivo da autarquia é criar um espaço museológico contemporâneo, atual e funcional, que permita ao visitante conhecer melhor e perceber a riqueza patrimonial que constitui o Complexo de Arte Rupestre do Vale do Tejo, um dos mais importantes conjuntos de arte pós-paleolítico da Europa, constituído por mais de 20 mil gravuras dispersas ao longo de 40 km de ambas as margens do rio Tejo.

 

 

Demolição de imóveis degradados no concelho

 1 Anexo Demolição Imóveis Degradados 2O Município de Vila Velha de Ródão está a levar a cabo a demolição de dez imóveis em avançado estado de degradação em vários pontos do concelho, uma medida que visa garantir a segurança e saúde pública dos munícipes. Dos edifícios a intervencionar, já foram realizados trabalhos de demolição num prédio da Rua do Fundo, em Tostão, e na Rua do Castelo, em Perdigão.

A execução desta empreitada surge na sequência da identificação, por parte dos serviços da Autarquia, de alguns imóveis que constituíam um perigo para a segurança e saúde pública. Após a realização de vistorias aos mesmos, a Câmara Municipal concluiu que em todos o casos a intervenção teria de passar pela demolição total dos edifícios, tendo os proprietário sido notificados do prazo de execução para o fazerem, com informação adicional de que, caso tal não se verificasse, a Câmara Municipal procederia à demolição dos imóveis, sendo-lhes o respetivo custo posteriormente imputado.

Expirado o prazo dado sem que se verificasse qualquer intervenção por parte dos proprietários, foi desenvolvido um procedimento de empreitada para a demolição dos prédios. Nesta fase do procedimento estão abrangidos quatro dos 10 imóveis iniciais, localizados, na Rua do Fundo, 34, em Tostão, na Rua do Castelo, 2, e Rua do Castelo, 4, em Perdigão, e na Rua de São Pedro, 17, em Sarnadas de Ródão.
Esta empreitada tem um contrato de 22.750,00 € e um prazo de execução de 90 dias. As intervenções a realizar consistem na demolição total dos edifícios, limpeza do local, construção de estruturas de betão de sustentação às edificações confinantes com as a demolir, reboco e pintura das fachadas confinantes com as edificações a demolir e na construção de muros de delimitação da zona frontal da edificação demolida.

 

Obras Municipais por Empreitada - 2021
Obras Municipais por Empreitada - Janeiro 2021 - (pdf) 63 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Fevereiro 2021 - (pdf) 54 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Março 2021 - (pdf) 68 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Abril 2021 - (pdf) 71 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Maio 2021 - (pdf) 69 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Junho 2021 - (pdf) 67 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Julho 2021 - (pdf) 68 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Agosto 2021 - (pdf) 67 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Outubro 2021 - (pdf) 69 Kb
Obras Municipais por Empreitada - 2020
Obras Municipais por Empreitada - Janeiro 2020 - (pdf) 62 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Fevereiro 2020 - (pdf) 65 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Março 2020 - (pdf) 66 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Abril 2020 - (pdf) 112 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Maio 2020 - (pdf) 112 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Junho 2020 - (pdf) 112 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Julho 2020 - (pdf) 64 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Agosto 2020 - (pdf) 65 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Setembro 2020 - (pdf) 69 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Outubro 2020 - (pdf) 67 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Novembro 2020 - (pdf) 67 Kb
Obras Municipais por Empreitada - Dezembro 2020 - (pdf) 64 Kb