Link para página

Anexo NI Adega23 Concurso Vinhos Beira Interior 1

A Adega 23, em Vila Velha de Ródão, foi distinguida com duas medalhas de prata na 14.ª edição do Concurso de Vinhos da Beira Interior, cuja cerimónia de entrega dos prémios teve lugar no dia 3 de julho, no Parque Municipal da Trincheira, em Pinhel.

O Adega 23 IG Terras da Beira Syrah Tinto, de 2019, e o Vinho Espumante Adega 23 IG Terras da Beira Bruto Natural Arinto Branco, de 2018, foram os vinhos que chamaram a atenção do júri do concurso, realizado na Guarda nos dias 16 e 17 de junho, presidido pelo enólogo e crítico de vinhos Aníbal Coutinho e composto por mais 14 especialistas.

Presente na cerimónia de entrega dos prémios, o presidente da Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão, Luís Pereira, mostrou-se muito satisfeito com esta distinção, que “veio premiar o esforço e a dedicação deste projeto que colocou Vila Velha de Ródão nos roteiros do enoturismo e se tem afirmado pela qualidade dos seus vinhos”.

Nascido em Sarnadas de Rodão, a Adega 23 é projeto vitivinícola que integra a marca Terras de Oiro, desenvolvida pelo Município de Vila Velha de Ródão com o objetivo de promover e divulgar os produtos do concelho, dando aos produtores, empresas e indústrias locais uma plataforma para aumentarem a sua penetração no mercado nacional e internacional.

Segundo Luís Pereira, “esta edição do concurso de Vinhos da Beira Interior veio mostrar mais uma vez a grande qualidade dos vinhos desta região, a que não é alheio o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelos produtores e pela Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior na dinamização do setor”.

Promovido pela Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior com o objetivo de dar visibilidade aos vinhos da região, o concurso contou este ano com a participação de 83 vinhos, de 31 produtores locais, que foram sujeitos a avaliação nos moldes tradicionais de “Prova Cega”, tendo sido atribuídas 13 medalhas de ouro e 12 medalhas de prata.